''A NARRATIVA DO EXATO''

.
Tentei me
Fazer compreender,
Explicações excessivas 
Acerca de muitas coisas…
Datas, Voos e Precipícios,
A verbalização dos
Traçados Exatos.
Mas enfim a
Compreensão,
Um pouco tardia:
Como é possível que
O outro possa
Entender aquilo que
Não viveu,
Ocupado em realidade a
Trilhar o próprio caminho?
Não o do outro, meu,
Mas o seu?
Mais profundo e
Compreendi que eu
Busquei tanto me fazer
Compreender, para que
O Caminho em si,
Enfim, não se perdesse.
Uma forma pueril de que
Ele ainda pudesse existir.
Contudo!
Ilusão das ilusões…
Mesmo na tentativa da
Sua transcrição, eu
Havia ignorado que até
Para mim, a que o
Trilhou, se perde cada
Vez mais as trilhas dos seus
Traçados exatos,
Como tudo o que se 
Torna memória.
Nem régua e nem
Compasso.
Nem a Narrativa do
Exato.
O que fica de um
Caminho trilhado
São as dunas do
Deserto,
As ondas do
Mar,
As pegadas que
Se apagam,
Um cheiro de qualquer
Manhã especial e o
Silêncio das Nuvens, a
Caminhar pelos céus.
 
Autora: Jussara Regina – Deva Kirtan

''Clique na Obra''

Exposição ”Fronteiras da Surrealidade”

Foto da Artista Visual

JusBranco

DOE AQUI

''GERÚNDIO''

.
Gosto destas coisas
imprevisíveis
acontecendo no gerúndio –
pegadas soltas que
espreitam pistas e
vestígios.
Qualquer skatista surfando em rios de asfalto,
qualquer poeta em teclados,
poetando palavras,
sem a pretensão de escrever
“A Poesia”.
Pequenos poemas transeuntes,
vão expressando a veracidade
possível de qualquer alma de artista.
A poesia, como a vida,
vai acontecendo,
se tornando 
versos e acontecimentos.
Nunca está pronta.
Encadeamento de rios e
suas curvas,
hora tranquilas e claras,
noutras turvas e em fúria.
Em Gerúndio se faz a vida,
momento a momento;
os rios assim se fazem,
o skatista,
as nuvens,
o poeta e a sua alma de artista.
Autora:
Jussara Regina – Deva Kirtan

.

Acesse Clicando na Imagem e Inscreva-se no Canal

''A ORIGEM''
Vídeo de Poesia.

ICASAA INSTITUTO CASA CULTURAL DE APOIO AO ARTISTA

ESPAÇO CULTURAL - ​RECANTO DO POETA